Cachos de vida

Imagem

Amo compartilhar receitas light com minha amiga e dupla de trabalho. Dia desses ela me apareceu com a buemba da semana: compre uvas sem sementes. Era o mais novo vício da vez. Eu, que nunca fui lá muito chegada na uva, me vi comendo cachos e cachos incansávelmente, com um livro para estudar do lado, a TV ligada e a mente longe. Desde que aprendi que as coisas não precisam ser difíceis, opto por opções mais fáceis. Não caminhos mais fáceis e sim uma mentalidade fácil de lidar. Está difícil? Ok, vai passar. Hoje o dia foi triste? Amanhã vai melhorar. A vida está sofrida? Não vai ser assim para sempre. A coisa apertou? Acalma, seu objetivo está logo adiante. Não complica. Não pense difícil. Facilita. Quer falar? Só fala. Quer pensar? Pense. Vão falar? E daí? Alguém deles vai morrer com você?

A gente tem mania de deixar a felicidade difícil. Até ser feliz é difícil. E deveras, ela fica difícil quando a gente pensa que não vai durar para sempre. Mas a gente é feliz quando gosta até dos problemas. Quando aprende que o drama de todos os dias faz parte. Que o choro vai estar tão presente quanto o sorriso, e muitas vezes eles vêem juntos. Então, me escuta. Não tenha medo de sentir ou de perder. Vai acabar, eu sei que vai. Mas depois vai começar tudo de novo, e de novo. Só respira fundo. Que eu vou comer meus cachos de uvas sem sementes, super fáceis de serem devorados, sem reclamar do vício. E sem chorar se acabar, porque quando eu quiser mais vou atravessar a rua e comprar no mercado. Quando você quiser mais de vida ela sempre vai estar ali em frente também, te esperando do outro lado da calçada, com quantos cachos de uva você quiser. Então vá de encontro a ela com os olhos apertados de saudades e um abraço bem grande. Segura e não deixa ela escapar, porque essa vida, meu caro, é só sua.

* Foto: Por Malu Lima, em São josé do Rio Preto

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s